Petrobrás assina contrato de afretamento para a Bacia de Campo

A Petrobrás anunciou na última terça-feira (15) que escolheu as empresas Modec e Yinson para o afretamento dos FPSOs Marlim 1 e Marlim 2, respectivamente.

As unidades estão localizadas na Bacia de Campos e farão parte do projeto de desenvolvimento da produção e revitalização dos campos de Marlim e Voador módulos 1 e 2.

As plataformas serão operadas e afretadas por 25 anos, ficarão localizadas a 150km da costa brasileira. Sua produção está prevista para os anos de 2022 e 2023, segundo Plano de Negócios e Gestão 2019-2023.

 FPSO Marlim 1 – lâminas de água 670 metros

FPSO Marlim 2 – lâminas de água 930 metros

Ambos projetos terão a capacidade de processar até 80 mil bpd (FPSO Marlim 1) e 70 mil bpd (FPSO Marlim 2) de petróleo e 7 milhões de m³/dia (FPSO Marlim 1) e 4 milhões de m³/dia (FPSO Marlim 2) de gás natural.

>
Facebook